sexta-feira, 12 de agosto de 2011

Explicar o Óbvio

Desta vez é o meu Pai a escrever sobre o que é ser do SL Benfica. O meu Pai é uma pessoa lúcida e esclarecida, como facilmente perceberão e fica aqui, público, o meu obrigado por me ter feito do Benfica.


Como pequena introdução refiro já que tendo nascido na mesma terra que o Sr. Eusébio, o segundo melhor jogador de sempre, depois do Monstro Sagrado (não estou a falar do Montinho, mas do Sr. Mário Esteves Coluna), não sou Português nem Moçambicano ! Sou do Benfica ! Pelo menos é o que está escrito na Nacionalidade, na papelada que tenho para aí. 
Não me considero doente do Glorioso, de modo nenhum ! Ser do SLB é pelo contrário sinal de grande lucidez e de sanidade física, intelectual e moral. Daí o estatuto de imparcialidade que todos facilmente me concedem.
Também sou crente ! No entanto só entro numa Catedral ! Com alguma irregularidade, é certo, como é prerrogativa dos pecadores.
Explicar o óbvio será redundante e uma sequência de pleonasmos ! Porque sou do Glorioso ? Haja paciência !
Cresci com uma das Maiores Equipas da História do Futebol ! Bicampeã Europeia e só não repetimos em 64 e 68 porque as finais foram jogadas em CASA dos adversários ! Já éramos vítima de roubo nessa altura. As décadas de 60 e 70, foram tranquilas em termos desportivos. Quem quiser associar a ditadura à hegemonia do Glorioso é pobre de espírito e de conhecimentos, para não dizer idiota no sentido técnico do mesmo. É conhecido que o SLB, contrariamente aos clubes da moda jornalística atual (Andrades, Lagartos e Padralhada – estádios 28 de Maio e figuras gradas do regime como dirigentes) nunca pactuou com a canalha fascista.
Coincidência ou não, a melhoria dos andrades vem com a passagem do antigo chefe da secção de boxe para o futebol ! A partir daqui é o que se conhece: xitos e cambalachos, pintos e calheiros, abeis e alternadeiras ! Com o beneplácito dos ardinas. Não me quero, no entanto, alongar em discussões sobre "quinhentinhos". Cheguei a pensar num Apito de Abril, mas cedo se percebeu que quem julga neste País é amigo do corrupto. Os tais julgamentos da treta.
Estes últimos anos, temo-nos no entanto mantido na luta, contra tudo e todos. Não temos ganho o desejado e o merecido por razões já expostas.
Sendo nossa característica a de não virar a cara nem dar a face, estou certo que mais cedo que tarde voltaremos a ganhar regularmente (haja transparência e honestidade).
Escrevo isto no dia da abertura da Liga 2011-12 e cheira-me que ainda teremos problemas. A porcaria intensifica-se e chega-se ao cúmulo de ficarmos sem saber se é o treinador dos andrades ou o chefe dos árbitros que fará as nomeações. Quem disser que isto dos nomes é coincidência é mesmo anjinho. Pelas nomeações das 1ª jornada a coisa já cheira a esturro.
Há claras semelhanças entre os anos de fascismo e estes que estamos a passar. Esperemos que sejam menos que 48. O boxeur não viverá tanto ! Espero.
Sabemos que só existem dois emblemas a nível do território: o SL Benfica e os anti-Glorioso, o que nos faz maiores e moralmente superiores.
Viva o  Glorioso SLB !


1 comentário:

  1. C., percebo perfeitamente os motivos do teu "sogro" (?) em ser benfiquista. "...uma das Maiores Equipas da História do Futebol ! Bicampeã Europeia e só não repetimos em 64 e 68...".
    Tu podes dizer o mesmo, cresceste e viste o teu clube ganhar!
    Ao M., compreendo que seja do slb por motivos familiares; por motivos desportivos jamais o seria.
    em relação á primeira jornada da liga, tudo normal...
    o benfica é a melhor equipa do mundo e depois de estar a ganhar 0-2 deixa-se empatar contra um gil vicente, e nós, como é habitual, ja estamos na nossa posição, a defender o escudo que carregamos ao peito e que tanto inveja os mais infelizes.
    Cumprimentos de um adepto do CAMPEÃO.

    (Diogo SD)

    ResponderEliminar