domingo, 27 de maio de 2012

O dia 27 de Maio de 1987, pelos meus pais

Faz hoje 25 anos que fomos campeões europeus em Viena. Devido a factores temporais, não me recordo de absolutamente nada desse dia, pelo que pedi aos meus pais, os grandes culpados por esta minha doença, para o relatarem.

Não sei como foi o dia 27 de maio de 1987 até às 19:15 da tarde, mas daí para a frente nada mais esquecerei.

Juntei o meu colega de trabalho Filipe e o meu vizinho Esteves para assistir ao encontro em minha casa, e aí vimos essa primeira parte horrível, com os nossos jogadores parados, receosos, a verem jogar Matthaus, Brehme, Hoeness, Kogl, o mais novo dos Rummenigge e o guarda-redes Pfaff.

Lembro-me dos comentários do Ribeiro Cristóvão e de um tal Prates, tristes, conformados, como se o nosso destino estivesse traçado: tínhamos estado numa final com o grande Bayern de Munique...

Mas não sabiam que num balneário, lá longe em Viena, alguém dava um murro na mesa e dizia aos homens de azul que era tempo de fazer história.

E fez-se, nessa segunda-parte linda, memorável, azul! Futre a mostrar que era possível, Frasco a jogar às escondidas com os gigantes e depois Madjer e Juary... Mlynarczyk de gelo a segurar a bola nos minutos finais e o João Pinto com a Taça.

E, de repente, o Esteves exemplifica o golo de Madjer, de calcanhar... e espeta um enorme pontapé no Filipe, que estava atrás dele... foi o calcanhar do Esteves!

Tu, C., estavas com a mãezinha em casa dos avós, com 6 mesinhos apenas. Dizem que, aquando da algazarra do primeiro golo, te assustaste muito e começaste a chorar, mas eu sei bem que era um choro de alegria, porque alguém te disse o que aí vinha nos próximos 25 anos...

Pai da C.



O dia não começou nada bem. Tinha dormido mal e a C., com 6 meses, tinha que tirar sangue para fazer umas análises. Correu tudo bem, mas o nervosismo continuava com a preocupação dos resultados das ditas cujas.

Vi o jogo em casa da minha mãe. Eram só mulheres: Avó - Mãe - Irmãs - Filha.

Começa o jogo, eles marcam. Intervalo e já lá quase no fim... GOLOOOOOOOOO! Do PORTO!!!! Tudo aos gritos, de tal maneira que a C. desata num choro a olhar para nós e a achar que estávamos malucas.

Peguei nela e, para a acalmar, fui até à janela. Mal tinha lá chegado... GOLOOOOOOOOOO! Tudo aos gritos outra vez. Não queria acreditar, o PORTO estava a ganhar e eu não vi o segundo golo do Juary, porque estava com a C. ao colo na janela para a menina não se assustar.

A primeira vez para a C. foi assim, há 25 anos. Depois foi sempre a andar por esses estádios fora, a telefonar: "Mãe, não te preocupes, está tudo bem. Ganhámos, carago!"

Mãe da C.



Tenho pena de não ter visto o grande calcanhar do Madjer... perdão, do Esteves, e peço imensa desculpa por ter impedido a minha mãe de ver aquele golo, mas lá que deve ter sido um grande dia para vocês, deve!

23 comentários:

  1. Eu tinha 3 anos, a minha família tinha acabado de chegar a Faro. Ao lado da nossa casa havia uma loja de electrodomésticos (do Sr. Martins, que era um grande lagarto - eu só entrava na loja quando o sporting perdia) e estávamos lá (não sei bem a fazer o quê). Tenho a imagem na minha cabeça de muitas televisões empilhadas e eu muito pequeno a vê-las todas dar a mesma imagem: o calcanhar do Madjer. Lembro-me do meu pai me tapar os olhos e a memória acaba aí. O meu cérebro é um local estranho.

    ResponderEliminar
  2. « ...foi o calcanhar do Esteves! »
    priceless

    abr@ço
    Miguel | Tomo II

    ResponderEliminar
  3. E o 28 de Maio de 1952?
    Priceless!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Agora a sério, achas que algum Portista se ofende pela derrota de 2-8 ou dos 12-3 ? Toda gente sabe que nesses tempos da bola quadrada, o FC Porto não tinha a miníma hipotese de almejar nada.

      Eliminar
    2. Lamento, mas os meus pais ainda não eram vivos.

      Eliminar
    3. pois que não era vivo na altura.
      mas sei que a inauguração do Estádio das Atas está para os lampiões como a da Luz para os portistas:
      venceu o eterno rival, e os visitantes é que riram por último.

      Eliminar
  4. Tinha 6 ou 7 anos.. e o Porto tinha uma equipa fantástica. Futre, Juary, Madjer, Inácio... e claro o maluco-da-Taça! Lembro-me que o Benfica tinha sido campeão há dias! Do jogo... lembro-me do golo do Bayern e depois a minha memória é um imenso apagão até à cena do João Pinto... Lembro-me um ano depois de pensar que teríamos a mesma "sorte". Mas não tivemos. E voltámos a não a ter 3 anos depois... e depois, a partir daí, do Benfica, só fogachos. Cumprimentos, MT.

    ResponderEliminar
  5. Eu também não era vivo quando ganharam a champions. Olha que argumento de porra.
    Mas já era vivo quando havia escutas, quinhentinhos, Scolaris a confirmar maroscas de PC, bestas no dragay caixa etc

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sr Vasco ir ao médico? ReiKi está na moda e é bom. Energias positivas.Trate-se enquanto é tempo.

      Eliminar
    2. Depreendo portanto que estou a discutir com uma criança de sete anos, no máximo. Vasquinho: não se fala assim com os mais velhos.

      Eliminar
    3. @ vasquinho

      o teu segundo parágrafo é uma "cassete" que aprendeste por ti, ou foram outros que ta ensinaram?

      eis a sua desmontagem (pois deves ser de tenra idade e não quero que cresças na ignorância):

      1) das "escutas"
      «Não quero Lucílio nenhum! (...) O António Costa?! F*d@-**! Isso é tudo Porto! (...) O Duarte, nada, zero! (...) O Proença também não quero! (...) O João pode ser»
      (saber mais aqui)

      2) dos "quinhentinhos"
      trata-se de uma expressão muito cara lá para os lados do Alvaláxia, mas enfim...
      a tua tenrinha idade permite que ainda desconheças o que é a Realidade.
      mesmo assim, passa por aqui e não darás por mal empregue o teu tempo.

      3) do "scolari"
      até a Imprensa já o desmentiu, vê lá tu.
      então tu que pertences à geração das Novas tecnologias da Informação paraste na entrevista do dia 29 de Maio?
      hoje já são 30 de Maio, rapaz! acorda!
      actualiza-te aqui, ok?

      4) do que aconteceu no "dragãozinho"
      efectivamente houve «bestas» à solta no Dragão Caixa.
      concordo plenamente. sobretudo por parte de quem não soube ganhar.
      recorda as imagens aqui.

      e agora, vai lá comer a sopinha (de urso), lavar os dentinhos, vestir o pijaminha e fazer uma naninha - a ver se amanhã acordas mais (d)Esperto.

      ps:
      @ C.,
      desculpa-me o abuso (e as hhiperligações), mas foi por uma boa causa: a Educação ;)

      abr@ço
      Miguel | Tomo II

      Eliminar
    4. C, referia-me à champ de 87(falha minha). Tenho 23anos.
      Miguelão :D

      1) http://magicoslb.blogspot.pt/search?q=os+lagartos,+definitivamente,+s%C3%A3o+uns+azarados

      2) Calabote? Dá uma "naninha" aqui: http://forumbenfica.blogspot.com/2010/01/inocencio-calabote-desmistificando-o.html

      3) A imprensa? Que imprensa? Sportinveste? ahah Miguelão, como "grande" que és, não sejas tenrinho

      4) http://geracaobenfica.blogspot.pt/2012/05/farsa-corrupta.html

      E agora um pacote de austeridade:

      - http://bola7inc.wordpress.com/2010/01/21/eu-te-escuto-pintinho/

      - http://vedetadabola.blogspot.com/2010/01/historia-antiga.html

      - http://vedetadabola.blogspot.com/2008/04/vinte-anos-de-mentira-de-a-z.html

      - http://vedetadabola.blogspot.com/2008/07/uma-mentira-repetida-muitas-vezes-3.html


      Lê isso com atenção tal como eu li as tuas relíquias peculiares.

      ps:
      @C
      Espero que sejas democrática(?!) e aceites o comentário.
      Desculpa-me o abuso(e as hiperligações) mas foi por uma boa causa: a Educação.
      Educação?! Má educação? Bom filme de Almodóvar! Boa educação? sim, implica sentido de justiça, equidade e ser "ESPERTO" o suficiente para não cair nas "tangas" do teu presidente flatulento(uma mentira muitas vezes repetida torna-se verdade). Pensa como Lincoln "Pode-se enganar toda a gente durante algum tempo, pode-se mesmo enganar alguma gente durante todo o tempo, mas jamais toda a gente durante todo o tempo"

      abr@ço.
      Vasco

      Eliminar
    5. @ Vasco

      1) sobre o António Garrido
      «as direcções entenderam que eu era a pessoa indicada»
      eu também compreendo que, à época, o Carlos Valente era o árbitro que a direcção do slb «entendia» ser o mais indicado para muitos clássicos que envolviam os nossos clubes do coração

      2) sobre Inocêncio Calabote
      a partir do momento em que uma das fontes citadas é o Alfredo farinha, deixei de ler o post.
      é o mesmo que te pedir para ler um escrito de um reputado portista sobre decisões de arbitragem em que o FC Porto seja espoliado

      3) sobre a Imprensa
      curiosamente não desmentes os factos desmentidos na dita. e não me falem em «pressões» na selecção.
      Eduardo e Nélson Oliveira, que época desportiva fizeram? (também foi o Pinto da Costa que os convocou, queres lá ver...)

      4) sobre a «farsa corrupta»
      «após este incidente, os adeptos começaram arremessar todo tipo de objectos para dentro campo»
      por bem menos, houve quem incendiasse autocarros e agredisse jogadores de hóquei em patins.
      (e não defenso a violência, atenção! mas aquele «após» quer dizer muita coisa, ou não quer? e eu também estive lá, ok? e sei bem o que ouvi da boca de muitos atletas do slb para com uma criança de oito anos que estava duas filas à minha frente - e para a qual o vosso roupeiro lhe atirou a toalha que se vê na parte final deste vídeo)

      5) sobre as tuas «relíquias peculiares»
      não nego que o teor do conteúdo das escutas publicadas por um "tripulha" no youtube são graves.
      mas, como sempre defendi e defendo, todos os clubes (mesmo os ditos «grandes»), sem excepção, têm os seus "telhados de cristal"®. o teu não é excepção.
      (já agora: o FC Porto jogou no estádio do Maia em jogos em que o clube visitado era o Salgueiros. tal aconteceu por mais do que uma vez e também para os outros dois clubes (ditos) grandes. tentar relacionar este facto com o "estorilgate" só dá para rir...)

      para finalizar:
      a minha referência à Educação foi genuína.
      é que também eu aprendi (e muito!) com esta troca de comentários - e sem ter sido deselegante para quem quer que fosse, mesmo para contigo.
      já a tua referência à flatulência nunca (com)provada do presidente do meu clube e baseada em factos descritos numa "biografia" de uma sua ex-amante e escritos por uma terceira pessoa... pois...

      Eliminar
    6. "já a tua referência à flatulência nunca (com)provada do presidente do meu clube e baseada em factos descritos numa "biografia" (...).

      Ficamos a saber que para o "penta", o presidente do clube corrupto é tão puro e casto que nem um peidinho deu na vida.

      É este o retrato do adepto portista...

      Eliminar
    7. @Miguel

      1)Serve para demonstrar que as tais escutas do Vieira eram prática normal na taça de Portugal a partir das 1/2finais. Já vocês, tal como os viscondes até no campeonato, aliás uns recebem árbitros em casa.

      2)Deixaste de ler o post? Pensava que o que interessava era o conteúdo, por essa lógica também não vou ler os teus links direccionados p/ blogs portistas.

      3) Eu não falo do caso-Baía, mas sim da influência(tu próprio sabes) que PC tem no futebol português. Aliás faz-me espécie ainda não surgir nenhum comunicado, vocês que regra geral são sempre rápidos e eficientes(admiro isso).

      4) Acho uma graça, de repente todos os portistas estiveram no Dragão caixa. Não sei se te revês nas palavras memoráveis de Guedes "Não foram cadeiras, foram cartolinas que arremessaram para o campo". Se estiveste lá acho escusado bater nesta tecla. Quanto às provocações de Carlos Lisboa, Quando vocês ganharam na Luz o Sapunaru fez gestos da mesma "família". Admito que CL esteve muito mal(mas um clube que passa o ano com o slogan "SLB SLB SLB filhos da .... SLB"...) mas a vossa atitude é esculpida por Belzebu, intolorável! aliás já não é a 1ª vez, basta relembrar o célebre jogo against Barcelona.
      Um link do historial? Até tem o título do grande Fiódor Dostoiévski:

      http://vedetadabola.blogspot.pt/2011/03/crimes-e-castigos.html


      5) o teu tópico 5 é delicioso. Admites, no entanto SÃO TODOS corruptos! Ainda bem que admites que apoias um clube, aliás um presidente corrupto.

      ps
      Para o teu "finalizar":
      Foste correcto e eu fui deselegante nesse aspecto, peço desculpa.
      Vai vasculhando vagarosamente os meus links.
      Com os melhores cumprimentos,

      Vasco

      Eliminar
    8. começando pelo fim:
      desculpas aceites. e (só) por esse facto é que te respondo à resposta, da resposta, ao comentário inicial ;)

      1)
      não!, não gostei de saber que o presidente do meu clube recebe(u) árbitros em casa, principalmente na véspera de jogos e mesmo que tivesse sido para «aconselhamento matrimonial» ou coisa que o valha.
      fica(ou) muito mal na fotografia e deu-vos um trunfo que, para mim, será muito difícil de "destrunfar".

      2)
      tens razão: o que importa é o conteúdo. e penitencio-me por ter parado a leitura - que a concluí há pouco (e a custo, muito custo, confesso).
      sobre o dito (conteúdo) e mais importante para o caso, o meu avô esteve no jogo da polémica, em Torres Vedras e, se fosse vivo, rebateria os argumentos trazidos à liça pelo "cham10". o ponto em que ele sempre se insurgia era contra os catorze longos minutos de espera... mas o meu avô foi um enorme portista, pelo que para quem é adepto de benfica nada lhe diz...

      3)
      a influência de Pinto da Costa, à data, era a mesma que as de todos os outros presidentes com jogadores na selecção. é por isso que, desde o caso do mundial na Coreia do Sul, que deixei de apoiar a selecção - e note-se, com um seleccionador portista! mas, esta é a minha perspectiva de adepto; concedo e aceito que haja outras visões.
      (e a direcção da SAD tem mais o que fazer do que estar sempre a lançar comunicados. para este tipo de assuntos temos o Porto Canal - que ainda é um pouco "torto" mas há-de endireitar-se - e demarcar-se da linha editorial do vosso, com certeza)

      4)
      acredita se quiseres. eu estive no jogo da polémica, no dragãozinho. e antes não tivesse lá estado. apanhei um dos maiores cagaços da minha vida de adepto. estive perto de levar no trombil, da polícia de choque, "apenas" porque invectivei e injuriei o vosso roupeiro fez para com a I., a menina do episódio em causa. e confesso que, no pavilhão, não me apercebi dos "festejos" do vosso ignóbil "treinador", só pela televisão.
      no fundamental: é uma noite que não mais esquecerei pelas tristes razões em causa.
      e só um mentecapto, seja ele quem for e de que clube for adepto - que não tu, atenção - é que pode achar graça a tudo o que se passou. eu não achei e houve culpas de parte a parte - mas mantenho a minha posição de que foram os vossos que despoletaram toda a violência que se seguiu (com cadeiras incluídas e não cartolinas).
      já agora, para lá do nosso cântico insultuoso para convosco, vocês também não sois santinhos; recordo-me da minha única ida à Luz (a antiga, nos célebres 2-3 de 1991/1992) e o cântico que vos dava mais gozo era o do "ó Pinto da Costa vai para o..." - o qual vocês ainda repetem amiúde.
      e no jogo contra o Barcelona, o treinador da equipa catalã também teve atitudes "a la" carlos lisboa durante o desenrolar de toda a partida - o que não desculpa o nosso mau perder, não senhor.

      5)
      o que eu escrevi foi que «todos os clubes (mesmo os ditos «grandes»), sem excepção, têm os seus "telhados de cristal"®. o teu não é excepção». a assumpção de que «todos são corruptos» é tua.
      o que pretendo "dizer" é que todos os clubes têm pecadilhos, manchas negras, factos menos engraçados na sua história e rir-mo-nos dos outros esquecendo o que temos dentro de casa é, no mínimo, grave.
      (se queres saber do que escrevo, dá uma vista de olhos a este panfleto. é da autoria de adeptos benfiquistas.)

      abr@ço
      Miguel | Tomo II

      Eliminar
    9. @ Vasco

      adenda ao «presidente corrupto» e sobre as escutas

      recomendo-te a leitura atenta do acórdão do Tribunal de Relação do Porto - que confirma o arquivamento de uma acção no âmbito do Apito Dourado.
      [se assim o entenderes, após a sua leitura constatarás que:
      « primeiro: a decisão de primeira instância e a confirmação da Relação baseiam-se na análise de matéria de facto aduzida pelas partes e não na discussão de pormenores processuais.
      segundo (e muito importante): tendo em conta a sua réplica, as escutas foram tomadas e usadas como meio de prova. Aliás, outra coisa não se compreenderia uma vez que foram devidamente autorizadas por um juiz para os objectivos com que foram utilizadas (condição
      sine qua non da sua validade). Não podem é ser utilizadas fora do processo em que foram produzidas, por razões que poderia tentar explicar mais demoradamente mas que se podem resumir a uma expressão simples: isto não é o faroeste » (retirado daqui)]

      abr@ço
      Miguel | Tomo II

      Eliminar
    10. @Miguel

      Que LFV usa o Benfica para enriquecer e ganhar nome não há dúvidas!
      Aliás dizem que ele não é do FCP, do SCP nem do SLB. Estou mortinho que ele vá embora!

      Miguel, fossem todos os adeptos como tu e a coisa talvez corresse de outra maneira. Há que destacar a tua humildade, começarei a seguir o teu blog

      Abraço :)

      Eliminar
  6. @Miguel

    Que LFV usa o Benfica para enriquecer e ganhar nome não há dúvidas!
    Aliás dizem que ele não é do FCP, do SCP nem do SLB. Estou mortinho que ele vá embora!

    Miguel, fossem todos os adeptos como tu e a coisa talvez corresse de outra maneira. Há que destacar a tua humildade, começarei a seguir o teu blog

    Abraço :)

    ResponderEliminar
  7. Tinha 10 anos. Nessa noite fiz a primeira directa da minha vida.

    ResponderEliminar