segunda-feira, 22 de abril de 2013

Para ti, lagarto do pano

Quando, numa noite de Dezembro (Dezembro?) de 2001, no velhinho estádio da Luz, Mário Jardel se deixou cair, sacando um penalty decisivo no caminho do título do Sporting (ganhando esse derby, o Benfica passaria para primeiro lugar), eu estava lá. Foi um jogo mágico, onde Beto defendeu um remate em cima da linha e viu amarelo, JVP agrediu um jogador do Benfica e manteve-se em campo, enfim, foi uma coisa maravilhosa. A verdade é que o Sporting tinha melhor equipa: JVP, Jardel, André Cruz, Paulo Bento, Viana, etc, enquanto nós acreditávamos no Mantorras.

Foram tempos duros, em que fui gozado que nem um cão. Que nem um cão. Ir para o liceu era um inferno, ver jogar o Benfica era um pesadelo, aturá-los era horrível. Para cúmulo, o Benfica ganhou 2-1 ao Boavista (num jogo péssimo, péssimo) e eles foram campeões. Quando cheguei ao liceu no dia seguinte, depois de dormir a ouvir buzinas lá fora, estava um pano colado no portão "OBRIGADO, 4º CLASSIFICADO". 
Foda-se, aquele pano magoou-me. Eu admito a fraqueza, aquilo chateou-me. Um tipo supera e ignora várias provocações, tenta até ser um vencido digno e de cabeça levantada, capaz de manter diálogo com amigos do inimigo, mas há limites. Claro que se comentou rapidamente no liceu quem tinha sido o artista. Era primo de uma amiga minha e andava a passear aquela camisola (horrorosa, uma coisa impressionante) com um sorriso que hoje, na minha memória, ficaria melhor num cavalo. Chateou todos os Benfiquistas que encontrou enquanto eu - que ele não conhecia - lhe dirigia insultos sentado a um canto do pátio de liceu, a fazer contas aos reforços que compraríamos com os 18 milhões de contos que íamos receber pelo Mantorras.

Eram, como vos digo, tempos duros. Serve isto para lembrar que está no ADN de um Benfiquista gozar o Sporting. Isto é uma coisa que os adeptos do Porto não percebem, mas há coisas que são genéticas, que estão enraizadas e que estão demasiado vincadas. Há uma história entre Benfica e Sporting, houve jogadores que foram roubados quando o Benfica nasce e, para a minha geração, houve o Verão de 1993, em que nos foi roubado Pacheco e o boi de Repeses (um rapaz que jogava a trinco e que quando chegou à Luz nem sabia o que eram talheres). 
Faz-me, então, confusão, que alguém tenha "pena" do Sporting. Que alguém diga que "faz falta um Sporting mais forte" e coisas dessas. Que é preciso distanciar o Sporting do Porto para fortalecer a posição estratégica do Benfica no futebol português, concordamos. Mas querer bem ao Sporting? Não me lixem.

Eu tenho grandes amigos do Sporting, pessoas de quem eu gosto e que admiro, que são sportinguistas doentes (com o desplante de acharem MESMO que ser do Sporting é bom), mas a quem desejo todas as maldades possíveis desportivamente. Agora, desejar-lhes bem? Não aproveitar para os pisar? Não gozar estar 37 pontos à frente? Não amar ver o Eduardo Barroso a estrabuchar? 
Eu, sempre que vejo um Rojo com a bola e sou assumado por um pingo de nostalgia futebolística e penso "Epá, eu já vi ali o Balakov" e até me lembro do antigo estádio de Alvalade, recordo-me daquela manhã de liceu, daquele gajo com ar de gozo, a chatear malta do Benfica. Lembro-me do inferno que era vê-los todos contentes na rua. Recordo-me também desse Verão de 1993, em que me senti adulto pela primeira vez, quando fiz, com o meu amigo T., um plano de meio campo para a época seguinte, sentados no chão cor de tijolo, à sombra, desprezando a futebolada ao sol que se jogava no infantário. Mas lembro-me, sobretudo, daquele pano. 

É por isso que desde que ganhámos ontem que me sinto maravilhosamente bem. Acordo bem disposto, o café da manhã sabe melhor, trocam-se olhares cúmplices com correlegionários pela rua. Leio os jornais, as crónicas, a imprensa nacional e internacional. Fico bem disposto. 
E lembro-me sempre daquela manhã de liceu, em que a minha adolescência ficou manchada e interrogo-me onde andará aquele lagarto. Deve andar pior que fodido. Imagino-lhe a dor, imagino-lhe a raiva e as fases todas do luto. E imagino-o a recordar-se daquela manhã de liceu, em que se sentiu o maior. E venho dizer-lhe, do alto dos meus 37 pontos de avanço, mais 41 golos marcados e menos 18 golos sofridos, que quem se ri agora é aquele puto sentado no canto do liceu e que há muito que as nossas vitórias já queimaram esse pano.

Agora, calma e concentração, que ainda falta muito.

PS: Desculpem a demora (estivemos sem computador uns tempos e dá azar escrever na semana prévia ao derby)

20 comentários:

  1. Como te compreendo... revejo-me nas tuas palavras.

    ResponderEliminar
  2. Brilhante post.

    É quando leio textos destes, que sinto vergonha do que escrevo lá no meu cantinho..

    Abraço

    ResponderEliminar
  3. LINDO!!! :) Eu também me lembro desse ano, o que não me lembro é de nenhum sportinguista me dizer que não foi penalti sobre o Jardel. E neste de ontem, onde 90% dos benfiquistas até dizem que foi penalti, andam todos chateados porque não dizemos que foram 5 penalties e 3 foras de jogo e mais 3 amarelos e mais o... %$#%"@ Bah! Tenho pena, ao ler estas barbaridades hoje, que não tenha sido pior para eles.

    ResponderEliminar
  4. Pois eu não me senti plenamente feliz porque considero que não fizemos um grande jogo e perdemos uma oportunidade de lhes dar uma tareia. Mas compreendo, há mais marés que marinheiros e temos muito por disputar.

    ResponderEliminar
  5. Eia, o boi não é de Repeses, o boi jogou no Repesenses, mas o boi é de Ranhados. Entre Repeses e Ranhados há todo um mundo a separá-los.
    Em Repeses a estirpe é outra. :)

    ResponderEliminar
  6. Sem tirar nem pôr. Embora compreenda quem defenda essa posição, eu não aceito a treta de que faz falta um Sporting forte.
    NUNCA poderei ter respeito por alguém que nos deseja todo o mal do mundo e nos odeia mais que tudo na vida.
    Este ano já não deve acontecer. Mas, quero mais é que eles desçam de divisão e, se possível, passem por lá uns anos até acabarem.

    Bom post, as usual.

    Saudações.

    ResponderEliminar
  7. Genial! Como sempre. :-)

    1) Sim, foi a 15 de Dezembro de 2001. Duarte Gomes marca penalty por causa do tornado que o Caneira provocou com a respiração...

    2) "aquela camisola (horrorosa, uma coisa impressionante)" Comento sempre isso cada vez que eles vão à Luz. As camisolas parecem cada vez mais feias!

    3) "boi de Repeses (um rapaz que jogava a trinco e que quando chegou à Luz nem sabia o que eram talheres)." Lindo! Nunca mais deixei de o assobiar cada vez que poluía o relvado da Luz com a sua presença. Nomeadamente com a camisola da selecção.

    Abraço.

    ResponderEliminar
  8. Recordo nesse jogo o Andrade (o mundo de diferença entre termos um Matci ou um Andrade) estar caído no chão, um lagarto dar-lhe uma biqueirada bem no meio das pernas, o Andrade ver amarelo e o lagarto nem cartão viu. Na 2ª parte o Andrade veria o 2º amarelo e seria expulso.

    Conheço vários lagartos que passam a vida a a poluir o facebook e sempre que se metem com tretas que o Sporting ganha tudo limpo e por isso ganha pouco esfrego-lhes na cara esse jogo, mais os 16 penaltis do Jardel nesse ano.

    Espero um dia ainda os ver a jogar nas divisões inferiores, a ser goleados pelo Real Massamá.

    ResponderEliminar
  9. acredita que tb eu me revejo nestas palavras, e digo hoje mais convicto que nunca... SCP é para acabar e só tenho pena que os golos não tenham sido marcados em fora de jogo e possivelmente com a mão!

    ResponderEliminar
  10. antes desse jogo ja tinhamos sido fortemente gamados no Bessa.

    ResponderEliminar
  11. É triste mas hão de haver sempre energúmenos como o "Galinha depenada" que não querem nem sabem estar na vida, saiba-se lá porquê.

    Eu que sou Portista e não gosto da instituição "s.l.b." sei muito bem ver que este ano estão melhores que todos os outros no futebol. Mesmo depois de perderem Javi (bom para o futebol português, mau para os departamentos médicos, hoje em dia às moscas) e sobretudo Witsel.

    Resta-nos a nós Portistas ganhar todos os nossos jogos e rezar para que os discípulos de Jesus venha cansados da Turquia e tenham um momento de fraqueza na viagem à Madeira.

    E de resto muito obrigado por uma escrita viciante.

    ResponderEliminar
  12. Excelente texto.

    Destacado em: http://tudoportibenfica.blogspot.pt/2013/04/3-ao-poste_24.html

    Saudações Benfiquistas

    ResponderEliminar
  13. Estava à espera de vir aqui hoje a este blogue e haver um novo post sobre o jogo de ontem na Turquia. Engano meu. Não interessa falar sobre árbitros que marcam penalties quando eles existem, não interessa falar sobre a oitava ou nona (já perdi a conta) bola que bateu nos postes nesta edição da LE (nunca via tanta sorte na vida). O que interessa é o jogo que o capela ganhou ao Sporting Clube de Portugal. Tiveste azar, na Turquia só há quase mesquitas e CAPELAS há poucas amigo!

    Ao menos podias ter escrito um post a dizer que o golo foi de um canto inexistente! Absolutamente de acordo, é chato quando os árbitros nos prejudicam não é? Só tens de pensar que a esta hora já um turco parvo está a gozar com a situação no blogue dele. Tal como tu fizeste depois do roubo do Capela.

    ps: Quando quiseres o pano diz ok?

    Saudações leoninas

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Realmente deve ser complicado ser apoiante do 2º clube com mais adeptos em Portugal (Anti-Benfica) nesta altura...

      Como não consegue justificar a miserável e pobre época que andam a fazer de outra forma, a "lagartagem" vai-se esconder à arbitragem de um jogo entre 26 que já fizeram. Mas o problema de o lugar na Europa estar em risco é o Capela, acho fantástico mesmo...

      Quanto ao jogo na Turquia, sim tivemos sorte nas bolas nos postes em jogos contra o Newcastle e no de ontem mas isso agora também é ilegal e é roubo? Veja lá...O M. não escreveu sobre a Turquia e também ninguém aqui chorou (como os lagartos têm chorado) sobre o Benfica poder ter sido prejudicado na Turquia pela arbitragem.

      Mais uma vez fantástico M.!
      Os meus parabéns pela tua paixão pelo desporto e pelo Benfica!

      Eliminar
    2. "...a "lagartagem" vai-se esconder à arbitragem de um jogo entre 26 que já fizeram.." Desculpem a intromissão mas tenho de dizer, então não são vocês benfiquistas, que desculpam o campeonato da época passada com o lance do Maicon?

      Eliminar
    3. Bem vejo "incrédulo" (não estou incrédulo simplesmente estou a dirigir-me a si) que lhe apraz uma coisa que tem sido hábito num passado recente aos adeptos do seu clube (o qual deduzi que fosse pela interpelação que me faz assim como os blogues que segue) que é comentar este Benfica-Sporting ainda que o seu clube não tenha jogado. Para quem dizia que "Só dependemos de nós" e "Os jogos dos outros não me interessam" e "Só os burros falam de arbitragem" quando já não estão em primeiro o discurso muda um bocado não é?Sabem ganhar de cabeça erguida mas na hora de perder nunca reconhecem mérito desportivo do adversário...

      Adiante, ainda é cedo para poder sequer comparar-se o lance de Maicon à arbitragem do último Benfica-Sporting em termos de "consequência" isto porque o campeonato actual ainda se está a realizar. No entanto, eu posso fazer pequenas comparações. Como lhe disse neste momento o campeonato ainda não acabou e o Sporting encontra-se a 5 pontos do 5º lugar que dá acesso a lugares europeus portanto se o campeonato tivesse terminado dia 21 de Abril não seria por causa da arbitragem do clássico que o Sporting falharia a Europa. Quanto ao lance do ano de Maicon na Luz, bom, para além de ser um lance no final do jogo em que a decisão pesa bastante pois o jogo seria todo igual até aquele instante (e não no início ou a meio do jogo com supostos penaltys que poderiam ou não ser marcados e alterar inevitavelmente o rumo do jogo pois o jogo não seria exactamente igual) caso esse lance tivesse sido anulado o seu clube e o Benfica sairiam empatados em pontos e em resultados (2-2 em ambas as voltas) e a decisão seria por "diferença de golos", aspecto no qual o seu clube até terminou com melhor resultado (69-19) que o meu (66-27). Agora, isto é suficiente para dizer que o seu clube seria campeão na mesma? Na minha óptica não... Porque o campeonato da mesma forma seria todo diferente a partir daí, em termos de pressão o seu clube sentiria bem mais pressão se tivesse o Benfica colado em pontos, etc, etc...Assim como me poderá dizer que o Sporting se sentirá com mais ou menos moral para poder lutar pela Europa se tivesse ganho ao Benfica, nunca saberemos... A mim doeu-me mais perder o campeonato o ano passado porque a nível de jogo em campo não me parecia que o seu clube fosse superior ao meu, antes pelo contrário. No ano de 2010/2011 reconheço sem qualquer tipo de problemas que estavam muito superiores ao Benfica e que venceram em todas as competições justamente assim como não lhe devia custar reconhecer que o Benfica em 2009/2010 esteve bastante superior ao seu clube em vez de recorrer a subterfúgios de túneis (não faço a mínima ideia se o faz/fez ou não...) mas tudo isto para concluir que, na minha humilde opinião, o Benfica, na época presente, é superior ao seu clube a nível desportivo, isto é, demonstra superioridade em campo. Agora, bem sei que ainda não ganhámos nada, e podemos ter um desfecho fatal à "Peseiro 2004/2005" sei bem disso e estou consciente mas também o seu clube ainda está a 4 do meu e, não obstante a estatística favorável que têm em casa nada vos garante que o jogo no vosso estádio serão favas contadas embora estejam todos a contar já (como se costuma dizer em gíria popular) "com o ovo no cú da galinha".

      L.

      Eliminar
    4. Como não estou com muita paciência li na diagonal o seu comentário o que pode levar a que o que vou dizer possa não ser de quem tenha ''interpretado'' bem o texto. Quanto ao lance do Maicon, o campeonato também não ficou decidido, sendo que o Benfica perdeu se não estou em erro mais 6pontos a seguir a esse jogo, e falando particularmente desse jogo houve um penalty do Cardozo por jogo de Andebol na área mas isso, parece não interessar.

      Eu dou o mérito a quem merece, e não tenho problemas nenhuns em admitir que a sua equipa tem estado a praticar um bom futebol. O que me queixo, é na diferença de tratamento dado a FC Porto e Benfica na hora de atribuir méritos e não só. Por exemplo, se o jogo do Benfica-Sporting fosse com o FC Porto e o FC Porto tivesse ganho nas mesmas circunstancias que o Benfica ganhou era considerado um escândalo, era apitos para aqui e para acolá, fruta, O Pinto da Costa tem isto tudo comprado, era manchetes de jornais etc...Até cheguei a ouvir de comentadores que só pelo golo do Lima o Benfica não merecia perder!! Há que agradar ao clube dos 6milhões, sempre foi assim e sempre será, o resto dos clubes são quase eu diria uns forasteiros dentro deste país.

      Eliminar
    5. Antes de mais, queria só fazer uma correcção no que eu disse ontem ali acima, o Sporting está com 5 pontos de atraso porque o Estoril ganhou e tem um jogo mais portanto se o campeonato tivesse terminado à 26ª jornada o Sporting não iria à Europa por 2 pontos sendo discutível o quão decisivo se tornaria o clássico...

      Quanto ao que referiu, eu compreendo que fique frustrado com algum facciosismo que exista (e existe!) na imprensa, mas, não se esqueça que tanto o jornal "A Bola" tende a querer agradar muito à massa associativa do Benfica como o jornal "O Jogo" a querer agradar ao seu clube; e não vale a pena dizer que o o jornal "O Jogo" tem duas edições de capa como que "a querer agradar a gregos e troianos" porque eu vivo na mesma casa que um portista e ele compra todos os dias o jornal "O Jogo" e eu volto e meia leio as notícias e são muito tendenciosas...

      Eu sou o primeiro a reconhecer que as pequenas vitórias do Benfica (Taça da Liga por exemplo) são muito mais engrandecidas do que vitórias maiores (Liga Europa por exemplo) do seu clube NALGUNS meios de comunicação social. Mas se quer que lhe diga, sinceramente, nem me parece que seja porque os patrões ou dirigentes desses meios sejam da minha cor clubística. O que me parece, é que os jornais são feitos para se vender às massas e quanto mais jornais se conseguirem vender maior o dinheiro gerado. Qual a forma mais fácil de vender muito uma coisa? Falar por demais naquilo que a maior parte da população gosta! Parece-me simples nesse aspecto...Embora simples seja diferente de justo.

      "Por exemplo, se o jogo do Benfica-Sporting fosse com o FC Porto e o FC Porto tivesse ganho nas mesmas circunstancias que o Benfica ganhou era considerado um escândalo, era apitos para aqui e para acolá, fruta, O Pinto da Costa tem isto tudo comprado, era manchetes de jornais etc..."

      Isto só acontece porque como saberá as escutas e tudo o resto deram que falar...Bem sei que o presidente do Benfica também tem lá a do "Pode ser o João" e tudo o mais mas já se sabe que quem mais fama tem nesse capítulo é o seu clube. E não estou a dizer com isto que o Benfica não seja beneficiado. Sou o primeiro a dizer que TODOS os grandes sem excepção, são beneficiados ao longo de todo o campeonato, acho que seria uma falta de lucidez enorme não reconhecer isso...

      L.

      Eliminar
    6. Incrédulo e com falta de memória.
      Os seus amigos Xistra e Hugo Miguel trabalharam bem a coisa o ano passado. Em dois jogos o Benfica perdeu os 5 pontos de vantagem que levava.
      Para ajudar, o senhor e os seus correligionários falam de andebol do Cardozo, mas calam-se sobre o corte do Lucho com a mão na jogada do 1º golo do Porto.

      Não gostou dos penaltis por marcar do Capela? Também eu. Principalmente do penalti que não marcou o ano passado, no Olhanense-Benfica, que terminou 0-0.

      No meio disso tudo ainda têm lata para se queixar. O que vale é que quando o Pinto da Costa morrer essa trampa de clube desmorona-se todo.

      Eliminar
  14. Caro Webmaster,

    Consideramos o seu site muito interessante e gostaríamos de propor uma parceria de troca de links.

    Antecipadamente gratos pela sua resposta,

    Atentamente,

    MeusResultados.com
    support@meusresultados.com

    ResponderEliminar